sábado, 8 de novembro de 2008

SCP / Bruno Paixão x FC Porto (4-5 após prolongamento)

Domingo, 9 de Novembro de 2008 - Jogo da Taça de Portugal 4ª eliminatória - Alvalade XXI

Árbitro nomeado: Bruno Paixão

Fim da primeira parte: SCP 1 FC Porto 0.
A equipa do FC Porto não está a jogar o suficiente para conseguir impôr-se.

Fim dos 90 minutos de jogo: SCP 1 FC Porto 1.

Arrancada fantástica do Hulk que correu uns bons 50 metros e já dentro da área desfere um fulminante remate que não deu qualquer possibilidade ao guarda redes do Sporting.

Tem sido um jogo pastoso, maçudo, raramente bem jogado de parte a parte, com ligeira melhor atitude por parte dos jogadores do Sporting e melhor entendimento que lhes permite ganhar muitos ressaltos.

Fim do Prolongamento - Manteve-se o empate.
Após o prolongamento o jogo foi decidido nas grandes penalidades (4 -5)

Conclusão: o melhor do jogo foi o resultado final, assim como os festejos de toda a equipa do FC Porto.

PS - Continuo a achar que além dos problemas com a falta de verdadeiros defesas laterais(excepção do Fucile), para já o Fernando não tem categoria para jogar a trinco nesta equipa do FC Porto e o meio-campo recente-se disso. Na minha opinião o Pele mesmo a 50 % será sempre uma solução melhor.

Convocados do F.C.Porto:
Bruno Alves, Fernando, Fucile, Guarin, Helton, Hulk, Lino, Lisandro, Lucho, Mariano, Nuno, Pedro Emanuel, Pelé, Raul Meireles, Rodríguez, Rolando, Stepanov, Tarik Sektioui e Tomás Costa.



7 comentários:

José Campos disse...

num jogo em que o fc porto começou muito mal, para não dizer outra coisa, após o intervalo a postura da equipa foi outra. tivemos uma atitude de tri-campeão com garra e sofrimento, onde a união da equipa deu frutos. perante tantos erros acumulados pelo jesualdo em que foi destruindo a equipa desde o apito inicial, a qualidade da equipa veio ao de cima e ganhamos com toda a justiça.
grande noite de helton, criticado nos últimos jogos mas ontem esteve simplesmente perfeito...
pessima realização televisiva em que os dois comentadores não conseguiram esconder a grande falta de conpetência para efectuar um trabalho de qualidade num clássico como este sporting-fc porto. sofremos e fomos mais felizes mas fizemos por conseguir conquistar essa felicidade.
abraço.

a nação azul e branco

http//anacaoazulebranca.blogspot.com

dragao vila pouca disse...

Este Sporting-F.C.Porto, foi paradigmático do que tem sido a época portista.
Quem visse a primeira-parte dira sem problemas:- não temos jogadores, não temos equipa, é, talvez, o pior Porto dos últimos dez anos.
Quem visse depois, a segunda-parte, principalmente, até à saída de Caneira, diria:- afinal, temos gente a equipa tem qualidade e há bons jogadores, alguns até, muito bons.
Depois e até ao fim, surgiria a dúvida.
Eu continuo a pensar - não saio disto - que o treinador tem muitas culpas no cartório, desta instabilidade que a equipa dá mostras. Jesualdo, inventa, altera, confunde, perturba e intranquiliza a equipa, os jogadores e isso notou-se particularmente, na primeira metade do jogo de ontem.
Mas, o Sporting-F.C.Porto, também mostrou que esta equipa e estes jogadores, têm brio, espírito de vencedores e crença. Depois de três derrotas seguidas - com tudo que isso significa num clube habituado a ganhar, quase sempre - e tendo pela frente dois desafios decisivos, o conjunto azul e branco, deu uma excelente resposta e teve capacidade, para alcançar os objectivos pretendidos, mesmo em circunstâncias muito difíceis, em que teve de correr atrás do prejuízo.
Se Jesualdo conseguir estabilizar, encontrar as melhores opções e apostar nelas, sem andar sempre a mexer, temos gente capaz de atingir o que pretendemos e fazer uma época à altura dos pergaminhos de um F.C.Porto, Tri-Campeão.
Nota final:se às vezes as claques merecem forte censura, ontem, merecem uma grande palavra de parabéns, pois sem elas, o F.C.Porto estaria praticamente sózinho em Alvalade.

Um abraço

Dragaoatento disse...

Vila Pouca!
...na primeira metade, nem faltas fomos capazes de fazer!...

Pudera!Se mesmo assim acabamos com 9 jogadores em campo!Com quantos teríamos terminado o jogo se fossemos mais agressivos?!

JorgeAragão:
...Fucile pode até jogar mal mas é brioso e " à Porto ", precisa jogar mais, debelar lesões e que o Uruguai o deixe em paz.
Fernando parece boa alternativa para a direita.

Concordo com as ideias expressas.

A equipa do FC Porto,já faz muito bem as chamadas transições rápidas,lançamentos em profundidade.Dado que não é possível a equipa estar 90 minutos a executar só as tais transições rápidas,gostaria tambem de ver a equipa a fazer bem a circulação de bola,com precisão e segurança,a fim de cansar os adversários fazendo-os correr atrás da bola.

Abraço

Dragaoatento disse...

Caro José Campos!

Já se sabe que os comentadores da TVI e não só, não conseguem despir a camisola nos seus comentários.

Abraço

Tripeiro Conbictu disse...

Divulguem os erros do Paixão. Isto não pode passar em claro. Unam-se portistas!
Lances passíveis de serem investigados pelo Ministério Público:
"Minuto 8 - Lidson agride com o cotovelo Fucili; lance para cartão vermelho directo; o árbitro nem amarelo deu...;
Minuto 62 - Toque deliberado de Pulga sobre Hulk na grande área verdinha; Penálte por assinalar e faltou o respectivo amarelo a Pulga;
Minuto 64 - Pulga levou o 1º cartão amarelo quando devia ser o segundo;
Minuto 68 - 2 penáltes por assinalar; Rui Patrício na sua área, agride barbaramente Hulk; Quando este se encontrava no chão, Caneleira agride-o ao coice de forma subreptícia e cobarde tal como um pónei desmamado; Nestas duas agressões, ficaram por assinalar dois penáltes e outras tantas expulsões; o Caneleira devia ter sido admoestado com o cartão vermelho directo e não com o 2º amarelo; o Hulk nada fez para ter levado amarelo, ou melhor, a sua habilidade, técnica e força fizeram com que levasse umas boas porradas dos dois defensores do Sportingue!;
Minuto 73 - Lidson leva o 1ºamarelo por conduta violenta sobre o Bruno Alves!!! Este tipo andou 112 minutos a mais em campo!?! Razão tinha o pai do Bruno Alves, quando disse para repararmos no número de faltas de Lidson e na sua forma selvática, violenta, brutesca e animalesca, como trucida os seus oponentes.
Minuto 116 - Rocha agride Rola na grande área do Sportingue; Penálte por marcar e respectiva expulsão de Rocha;
Minuto 117 - 2º amarelo a Hulk originando a sua expulsão; Em relação ao 2º amarelo de Hulk nada a dizer, mas e o 1º que foi dado de forma injustíssima?!?


Os Lances do Sportingue:


Minuto 87 - Rola joga a bola com a mão; penálte por assinalar; Devia ser exibido o cartão amarelo a Rola;
Minuto 109 - pseudo-obstrução de Bruno Alves sobre Abelha na grande área portista; quando muito daria direito à marcação de um livre indirecto (palavras do Sr. Rui Tolo); Caso a falta fosse assinalada, o nosso central teria que levar o 2º amarelo e consequente vermelho. Na minha opinião, o Abelha é quem provoca o contacto, mas dou esta falta ao desbarato;"

Dragão atento, já está totalmente recuperado?

Um grande abraço

In http://tripeiroconbictu.blogspot.com

Dragaoatento disse...

Caro Tripeiro Conbictu,

Obrigado,estou um pouco melhor,mas o processo está a ser lento.

Quanto aos lances que refere,foram analizados na SIC-Not.pelos: Guilherme Aguiar, Seara e Dias Ferreira.
Como seria de esperar o Dias Ferreira tentou sempre desvalorizar as agressões cometidas pelos jogadores do Sporting...!Este Dias Ferreira é um tratante e facioso da pior espécie.Tal aliás como o Seara.

Abraço

Tripeiro Conbictu disse...

Caro dragão atento

Espero acima de tudo que recupere bem...rápida ou lenta, o importante é ser uma boa recuperação. Por isso, renovo, os meus votos de uma boa recuperação. Coma umas boas tripas e ateste-lhe com uma boa pinga do Douro (mas tudo feito de forma equilibrada e controlada)e de certeza que a recuperação será mais rápida e eficiente. Mas lembre-se: não se enerve com jogos de futebol (ou melhor, com arbitragens destas...), como o do passado Domingo. Esta semana,os tipos da mouraria puseram-me nervoso demais... .


PS:Espero que com o Guimarães possamos continuar os bons resultados e as melhorias exibicionais.