terça-feira, 29 de agosto de 2017

Anedotas benfiquistas

Ó lampeões ressabiados…! Confundir as entradas a varrer, para lesionar, intimidar, os contrários, do Eliseu do Benfica, com o estilo de jogo de Brahimi…?! Brahimi, um avançado que é constantemente castigado por profissionais da estirpe dos Eliseu deste país…?!
Apresentar queixa ao Conselho de Disciplina, contra Brahimi um avançado que é constantemente atropelado pelos defensores adversários…?!
Parece um anedota de mau gosto encarnada, só pode, mas não é. Pelos vistos para os lados do clube da águia (Luz), há dois tipos de regras disciplinares: as convenientes (permissivas) para os jogadores do Benfica e regras rigorosas que devem ser aplicadas aos profissionais dos outros clubes…!!!

1 comentário:

  1. Boa tarde.

    Não vele a pena lutar contra o estado lampiánico e a razão disso é a decisão de arquivar o caso Eliseu pelo o CD e o Meirim. Vergonhoso.

    Dizem eles que não se podem sobrepor ao árbitro e VAR que acharam que o lance não era agressão.

    A partir de agora já sabemos que com os padres lá dentro e que são também os mesmos que estão na cabine, o clube do regime vai continuar a ser levado ao colo e a ver lances desses branqueados. Ou seja se o árbitro de campo não expulsa então o VAR jamais vai ir contra essa decisão. Não havendo quem rectifique isso, o crime vai compensar sempre. Viva o futebol português podre e corrupto

    Saudações Portistas

    11DruLoVic

    ResponderEliminar

Abrimos portas à frontalidade, mas restringimos sem demagogia, o insulto e a provocação.