sexta-feira, 27 de maio de 2016

Aconteceu (Calabote)

Há 60 anos o FC Porto conquistava a primeira “dobradinha” da história.
Foi a 27 de maio de 1956, ironicamente frente ao Torreense.
Ironicamente porque foi frente ao Torreense, em Torres Vedras, que nesse mesmo ano, jogadores, técnicos, dirigentes e adeptos tiveram de esperar pelo final do interminável Benfica-CUF, que Inocêncio Calabote prolongou para lá do razoável.
Hernâni foi o herói da final, autor dos dois golos com que o FC Porto venceu.
O onze escalado por Yustrich foi: Pinho; Virgílio e Oswaldo; Pedroto, Miguel Arcanjo e Monteiro da Costa; Hernâni, Gastão, Jaburu, Teixeira e Perdigão.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Abrimos portas à frontalidade, mas restringimos sem demagogia, o insulto e a provocação.