domingo, 26 de agosto de 2012

Liga - FC Porto 4 Vitória de Guimarães 0

25/08/2012 - Difícil foi marcar o primeiro. Lucho, aproveitou uma bola que lhe veio ter aos pés para rematar com êxito, estava feito o primeiro golo , iam decorridos 16 minutos de jogo.
Mais golos acabariam ainda por acontecer, pelo que a equipa portista já justificava o avanço no marcador. Seria uma questão de tempo. Pelo que aos 66 minutos, Hulk disparou uma bomba tornando infrutíferos os esforços de Douglas para suster o poderoso remate. E as redes, voltariam a balançar numa finalização de Lucho, na pequena área depois duma jogada bem delineada.
Entretanto numa jogada bem arquitectada João Moutinho seria derrubado pelo Defendi dando lugar à marcação duma grande penalidade. Que Jackson Martínez, bateu “à Panenka”: levando a bola a entrar devagar, pelo meio da baliza, enquanto Douglas se lançava para o lado direito.

Destaques na equipa portista: Helton pouco teve que fazer, mas quando chamado revelou atenção e resolveu bem; Danilo mostrou que é craque, quando ganhar mais confiança o seu rendimento vai de certeza aumentar; Maicon e Otamendi chegaram e sobraram para as encomendas;  Alex Sandro mostrou já estar um pouco melhor que o seu colega Danilo, pois deu a ideia de estar já mais ambientado aos Dragões; Fernando continua a ser um esteio à frente da defesa; Lucho muito oportuno valeu pelos dois golos que marcou; João Moutinho não jogou mal mas parece não estar no seu melhor; Hulk o costume, alterna jogadas fantásticas com perdas de bola infantis; Jackson Martínez provou que quando estiver totalmente ambientado vai ser o goleador que o FC Porto precisa; Atsu continua a justificar a sua chamada à equipa, pelo seu repentismo, entenda-se velocidade e técnica, com um pouco mais de experiência vai ser um caso sério se não se estragar. 
Conclusão: Vítor Pereira dispõe dum bom lote de jogadores! Assim ele consiga trabalhar com eles, ganhar a sua (deles) confiança e colaboração de modo a tirar o máximo rendimento da matéria prima que tem.
Substituições: Lucho por James (76m), Atsu por Varela (76m) e João Moutinho por Defour (80m) 
O árbitro: Aparte alguns enganos, pontapés de canto que deveriam ter sido marcados a favor dos dragões e pequenas faltas marcadas ao contrário, não teve influência no resultado.
FICHA DE JOGO - Liga, segunda jornada 
Estádio do Dragão, no Porto - Assistência: 35.503 espectadores 
Árbitro: Hugo Miguel (Lisboa) - Assistentes: Pedro Garcia e Hernâni Fernandes - 
Quarto árbitro: Luís Ferreira 
FC PORTO: Helton; Danilo, Maicon, Otamendi e Alex Sandro; Fernando, Lucho e João Moutinho; Hulk, Jackson Martínez e Atsu.Substituições: Lucho por James (76m), Atsu por Varela (76m) e João Moutinho por Defour (80m)
Não utilizados: Fabiano, Kleber, Miguel Lopes e Mangala
Treinador: Vítor Pereira
V. GUIMARÃES: Douglas; Alex (cap.), N’Diaye, Defendi e Bruno Teles; El Adoua e André André; Ricardo, Barrientos e Toscano; Soudani
Substituições: Barrientos por Marco (46m), Marco por Lalkovic (64m) e Toscano por Leonel Olímpio (73m)
Não utilizados: Matej, Leandro Freire, João Ribeiro e Siaka Bamba
Treinador: Rui Vitória
Ao intervalo: 1-0
Marcadores: Lucho (16m e 71m), Hulk (66m) e Jackson Martínez (80m, g.p.)
Cartão amarelo: Defendi (80m) e Leonel Olímpio (90m).

4 comentários:

  1. Bom dia,

    O FC Porto presenteou os seus adeptos com uma exibição consistente, com domínio e controlo absoluto de um adversário impotente para travar a avalanche ofensiva, sob o comando de Lucho, com a classe de Hulk e a magia de Atsu.
    Foram só quatro, mas o Vitória arriscou-se a ser humilhado no Dragão.
    Desde de VP sentou o "cú no mocho", esta foi a melhor exibição da nossa equipa, e porquê?
    Dinâmica, Domínio e Lucho ... e colocou as peças no lugar certo!
    O nosso miolo foi dinâmico, ao contrário do jogo em Barcelos, fizemos circular a bola ao invés de correr com ela.
    Tivemos dois verdadeiros laterais de qualidade, que subiram no corredor, que criaram desequilíbrios. As constantes trocas de posição entre os médios e os extremos, com os laterais em apoio, é a dinâmica que nós portistas ansiávamos à muito.
    Atsu aqui e ali criou lances mágicos, deixando o capitão vimaranense envergonhado perante tal afronta. Atsu é o verdadeiro extremo do plantel. Ao contrário dos seus colegas de sector, não finta e foge para dentro, finta em progressão deixando o lateral adversário como uma barata tonta, pois nas suas costas aparecia Alex Sandro a explorar aquele espaço deixado pelo jovem ganês.
    É no espaço entre o lateral e o central que se criam mais desequilíbrios numa defensiva contrária.
    Uma palavra para Hulk que nos últimos dias tem visto o seu nome nos jornais, mas que tem grande tolinha e demonstrou mais uma vez ser um grande profissional.
    Hulk a sair do nosso Porto merece um clube e um campeonato compatível com a sua qualidade.
    Os adeptos nas bancadas mereceram esta boa exibição.
    Esperámos pois que a equipa agora não caia na bipolaridade patenteada na época passada.
    Temos um excelente plantel, e temos tudo para ser tri campeões, para tal basta humildade e Ser Porto dentro e fora do campo.
    James teve uma pequena lição, ficou no banco e viu Atsu a dizer presente. Não se pode querer o céu rápido demais.
    Faltam poucos dias para o fecho de mercado e para a definição do plantel.
    Iturbe parece ser carta fora do baralho, após mais uma semana de twi"tanso". Nem com o "tutor" Lucho, o jovem argentino aprendeu o que a casa gasta, por conseguinte será salutar o seu empréstimo para que desça à terra.

    Bom domingo.
    Abraço

    Paulo

    pronunciadodragao.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo Paulo, foi talvez a melhor exibição da equipa dos últimos tempos!
      Vamos ver nos testes seguintes e, mais exigentes, se a equipa continua a corresponder, ou seja, mantém o mesmo nível...

      Agradeço e retribuo
      Abraço

      AMonteiro

      Eliminar
  2. Boas,

    Acabaram as ferias !!!

    Se duvidas existissem sobre VP, Lucho, Moutinho, Hulk Atsu, e o resto da equipa, a exibição do Campeão deita por terra os detractores.
    Contra factos não ha argumentos, VP mexeu na equipa, sairam Miguel Lopes, Mangala e James e acertou na mouche. Para quem gosta de futebol esgte é um jogo para ver e rever e foi um prazer assistir á magnifica exibição do PORTO.
    Se mantivermos esta bitola, esta exigência e esta dedicação temos certamente um futuro risonho.

    Gostei, Gostei, Gostei muito !!!

    PS - 2 jogos 2 penaltis não assinalados

    Um abraço

    http://fcportonoticias-dodragao.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Amigo!

      Também eu gostei bastante. Veremos no futuro se a equipa consegue manter o mesmo nível exibido nos próximos testes (mais exigentes).

      Um abraço

      Eliminar

Abrimos portas à frontalidade, mas restringimos sem demagogia, o insulto e a provocação.