quarta-feira, 7 de março de 2018

Trapalhadas do clube da águia

As denúncias de Francisco J. Marques que ligam Paulo Gonçalves a Júlio Loureiro
https://www.ojogo.pt/multimedia/videos/interior/as-denuncias-de-francisco-j-marques-sobre-paulo-goncalves-e-julio-loureiro-9165720.html


O diretor de comunicação e informação do FC Porto denunciou troca de emails entre o assessor jurídico do Benfica e o observador de arbitragem.
O assessor jurídico do Benfica, Paulo Gonçalves, foi detido esta terça-feira no âmbito da operação "e-toupeira", levada a cabo pela Polícia Judiciária, por alegados subornos a funcionários judiciais com vista à obtenção de informação de processos que decorriam no DIAP.

Júlio Loureiro, um dos funcionários judiciais suspeitos, que terá sido constituído arguido, já foi visado em setembro por Francisco J. Marques, que, na altura, denunciou uma troca de emails entre o observador de árbitros e Paulo Gonçalves.
"'Para conhecimento antecipado, dado ser numa data que antecede viagem do Benfica à Turquia, envio nota para mostrar a Rui Vitória. Agradeço discrição, pois isto nem é da minha secção', pode ler-se. E o que era? Nada de especial, pois Rui Vitória ia testemunhar num processo sobre o V. Guimarães. Mas o que é de especial é um funcionário judicial, que se dá a curiosidade de ser observador, avisar Paulo Gonçalves. Se numa simples notificação avisam, o que farão com coisas mais graves", contou, a 19 de setembro, Francisco J. Marques.


Francisco J. Marques: "A revolução começou há uns meses"
https://www.ojogo.pt/futebol/1a-liga/porto/noticias/interior/francisco-j-marques-a-revolucao-comecou-ha-uns-meses-9164599.HTML

"A revolução começou há uns meses. Sem medo, pela verdade", escreveu o diretor de comunicação e informação do FC Porto naquela rede social.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Abrimos portas à frontalidade, mas restringimos sem demagogia, o insulto e a provocação.