terça-feira, 20 de abril de 2010

FC Porto - Estágio de pré-época em Marienfeld 2010/2011


O FC Porto deve voltar a Marienfeld, na Alemanha, para o estágio de pré-temporada no próximo Verão. Apesar de a marcação definitiva ainda estar dependente da classificação final do clube - o segundo lugar vale apuramento para a Liga dos Campeões, o terceiro para a Liga Europa e os dois têm implicações diferentes no calendário de arranque da próxima época - O JOGO sabe que o FC Porto já enviou o "team-manager" Acácio Valentim à Alemanha para tratar da pré-marcação do local de estágio. Aliás, em virtude dos problemas nas ligações aéreas no Norte da Europa, aquele responsável foi forçado a regressar a Portugal de automóvel, tendo-se cruzado até com a equipa do Lyon - onde actuam os ex-portistas Cissokho e Lisandro - que viajava em direcção a Munique, para a meia-final da Liga dos Campeões. Recorde-se que, a confirmar-se, esta será a terceira passagem do FC Porto por Marienfeld. A primeira aconteceu em 2003, na sequência do triunfo em Sevilha, dando início à caminhada que terminou com o triunfo na Champions em Gelsenkirchen e a segunda em 2008, antecedendo a conquista do tetracampeonato.

1 comentário:

  1. Aqui está parte dum comentário do meirelesportuense no blog Renovar o Porto, do qual goste muito.

    ...Agora, restam-me essas referências do Norte da Europa e aí eu vejo nítidas vantagens, um sistema livre em equilíbrio com um regime planificado nas áreas tão importantes como a Educação ou a Saúde...E noto também aí a possibilidade de ver Esperança, a esperança de partindo destes modelos ir melhorando o Universo e humanizá-lo...O Capitalismo liberal não tem coração, nem tem tempo para pensar noutra coisa que não seja o lucro!
    A Liberdade não se compadece com espartilhos, mas tem de haver travões à ganância e recriar um Mundo feito de Solidariedade imposta é a única forma de abrir as portas ao Futuro.
    Parece-me que o primeiro passo tem de ser dado no sentido de defender esta Europa Solidária entre si, a partir de um processo que a saiba defender dos inimigos externos, que são como se sabe a capacidade produtiva desumanizada dos "colossos emergentes"...E nesse processo estamos completamente sós, os Estados Unidos não nos vão querer ajudar, não podem e não querem, eles são os principais beneficiados com esta balbúrdia...

    ResponderEliminar

Abrimos portas à frontalidade, mas restringimos sem demagogia, o insulto e a provocação.