quinta-feira, 18 de setembro de 2008

FC Porto 3 Fenerbahçe 1

*
17 de Setembro de 2008

Os primeiros vinte minutos foram de grande nível (2 – 0)! A equipa jogou um futebol fantástico.
Depois desses 20 minutos realmente excepcionais, adormeceu, e talvez também por força das substituições do adversário que povoou o meio-campo colocando a jogar nada menos que cinco médios nesse espaço de terreno, perdeu fulgor, enervou-se, perdeu o domínio do jogo e chegou mesmo a descontrolar-se perigosamente. Esta equipa do FC Porto denota ainda falta de personalidade, e tambem alguma falta de maturidade, alem da natural falta de entrosamento. Se por alguma razão o adversário cresce e começa a controlar o jogo, a equipa descontrola-se, enerva-se, e começa a errar passes, a descarrilar e aparece então a ameaça do descalabro.
Felizmente a entrada de Lino com o seu golo repôs a segurança e a verdade do jogo.
Na minha opinião, os defesas laterais são o elo mais fraco desta equipa. Precisam de melhorar muito no capítulo da velocidade, agressividade sobre a bola, e jogar em antecipação, a fim de transmitirem a tranquilidade necessária à equipa. Enquanto Lucho, Meireles, Mariano e Rodriguez duraram, o ritmo manteve-se elevado. Depois! Bom depois, foi o pior período da equipa, até ao golo redentor do Lino.

Ficha de Jogo:
UEFA Champions League 2008/09 – Grupo G – 1ª Jornada17 de Setembro de 2008Estádio do Dragão, no Porto Assistência: 38.709 espectadores
Árbitro: Bertrand Layec (França) Assistentes: David Benech e Michael Annonier4º árbitro: Hervé Piccirillo

F.C. PORTO: Helton; Sapunaru, Bruno Alves, Rolando e Benítez; Fernando, Raul Meireles e Lucho «cap.»; Mariano, Lisandro e RodríguezSubstituições: Mariano por Hulk (60 min), Raul Meireles por Tomás Costa (66 min) e Rodríguez por Lino (90 min)Não utilizados: Nuno, Pedro Emanuel, Farías e CandeiasTreinador: Jesualdo Ferreira

FENERBAHÇE: Demirel; Gonul, Lugano, Çakmak e Roberto Carlos; Emre, Maldonado, Sahin e Boral; Alex «cap.» e GuizaSubstituições: Sahin por Josico (45 min), Josico por Yilmaz (53 min) e Boral por Kazim Kazim (76 min)Não utilizados: Babacan, Bilgin, Turaci e ParlakTreinador: Luís AragonésAo intervalo: 2-1Marcadores: Lisandro (11 min), Lucho (13 min), Guiza (29 min) e Lino (90 min)Disciplina: Cartão amarelo para Sapunaru (54 min), Lugano (71 min) e Guiza (74 min)

PS - Exemplo: o que pretendo é que ponham os interesses do colectivo à frente dos individuais. Quando for assim é fácil trabalhar comigo, se não for assim é muito difícil”, frisou (Paulo Bento).

3 comentários:

  1. Foi sem dúvida nenhuma, um jogo feliz para o Porto. Fez uma boa exibição e merece o resultado que conseguiu.

    Quanto a mim, o momento alto do jogo foi o do segundo golo do Porto. Foi um lance genial. Escrevi sobre ele no meu blog; para os interessados: O que tem o golo de Lucho de genial?

    ResponderEliminar
  2. Início fulgurante e a prometer muito.3-0 desperdiçado escandalosamente e depois...um apagão!
    Dois laterais muito fraquinhos - Benítez nem defende , nem ataca e mais, nem sabe fazer um lançamento lateral.Só sabe dar chutões para onde não está ninguém. Porque não joga o Lino?-
    Faltou frescura - ai se eles tinham jogado no fim-de-semana -, clarividência, intensidade e foi um sufoco até ao fim.
    Muito bem Rolando, Fernando - ganhou o lugar e vai fazer esquecer o P.Assunção - B.Alves, Lucho. Bem Lisandro - que perdulário - Meireles - Que falta de frescura - Helton e Lino.
    Mal C.Rodríguez - esperava mais - Mariano - tem atenuantes: esteve muito tempo parado - T.Costa - não trouxe nada - e Sapunaru -apesar de ter melhorado na segunda-parte -e Hulk.
    Muito mal o Benítez -não é jogador para o Porto.
    Tudo junto: vitória justa, mas muito sofrida.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  3. Sorry for writing in English, but my guess is you are Porto supporter.

    Just wanna say, great start to your Champions League campaign. As a fan of Argentina, I'm happy to know that the Dragons has the most number of Albiceleste players on their squad.

    Licha and Lucho have always been the lynchpin of the team. Now their resposbility will only get bigger with the departure Ricardo Quaresma. I hope this season will go far and repeat that awesome feat in 2004.

    Please visit my blog and let me have your comment about the Argentine players in your team. Your comment will be highly appreciated.

    http://mundoalbiceleste.blogspot.com/2008/09/ucl-group-stage-round-1-thread.html

    ResponderEliminar

Abrimos portas à frontalidade, mas restringimos sem demagogia, o insulto e a provocação.