terça-feira, 30 de março de 2010

O castigo limitou o FC Porto no ataque


Declarações de Carlos Azenha - n'OJOGO

O FC Porto com Hulk é uma equipa diferente, para melhor, segundo Carlos Azenha, ex-adjunto de Jesualdo Ferreira. "Cortaram uma fonte de alimentação no ataque e sem ele o FC Porto ficou limitado", comentou. Azenha concorda com Jesualdo, quando diz que ele fez um dos seus melhores jogos, em Portugal. "É verdade, jogou contra tudo e contra todos, marcou um golo de raiva e voltou a mostrar que é muito forte aliando potência, velocidade, força e técnica", apontou, antes de deixar um alerta: "É preciso acabar com esta palhaçada, porque para além da injustiça, houve repercussões desportivas".

Sem comentários:

Enviar um comentário

Abrimos portas à frontalidade, mas restringimos sem demagogia, o insulto e a provocação.