terça-feira, 29 de julho de 2008

Guimarães tenta copiar o Benfica

Apito Final: UEFA diz ser impossível excluir F.C. Porto esta época
[ 2008/07/29 14:32 ] Sérgio Pereira

Apito Final: V. Guimarães enviou decisão da FPF para a UEFA
O V. Guimarães insiste na luta pela entrada directa na Liga dos Campeões e aproveitou a invocação de interesse público por parte da Federação para voltar à carga. Gama Lobo esclareceu que já informou a UEFA sobre as últimas decisões e acrescentou acreditar numa decisão até sexta-feira, uma vez que agora sim o caso transitou em julgado, como o Comité de Controlo e Disciplina exigia que fosse.
A UEFA, porém, diz que é impossível excluir o F.C. Porto ainda esta época. Antes de mais, esclareceu uma fonte do gabinete de comunicação do organismo ao Maisfutebol, porque ainda não recebeu os fundamentos do TAS para considerar improcedentes os recursos de Benfica e V. Guimarães. «Sem conhecer as razões que levaram o Tribunal Arbitral a decidir a favor do F.C. Porto, é impossível à UEFA prosseguir com o inquérito», disse.
Para além disso, adiantou, e ressalvado não duvidar das informações que lhe chegaram desde Portugal, a UEFA revelou que não existe uma comunicação formal da Federação Portuguesa de Futebol. De resto, ao longo do processo a FPF só recebeu os documentos que pediu, até porque não é a Federação que os envia automaticamente.
Ainda assim, e mesmo que por hipótese chegassem hoje, não poderia haver decisão até sexta-feira.


PS - Estes dirigentes do Vitória de Guimarães não têm calma nenhuma...! A sofreguidão leva-os a dar com a cabeça na parede...! Já é a segunda vez e não aprendem!

PS 1 - falar de jogadores e tácticas
Caro Amigo Vila Pouca!Quanto à tua sugestão...
Meu caro Monteiro agora que isto acabou vamos falar de jogadores, de técnicos, de reforços, de tácticas.

Digo: é prematuro começarmos já a falar em rendimento deste ou daquele jogador.A época ainda nem sequer começou e por isso ainda é muito cedo. A seu tempo teremos oportunidade de darmos as nossas opiniões. Relativamente a tácticas: unicamente na qualidade de mero espectador interessado parece-me que a equipa do FC Porto já tem uma táctica 4X3X3 em que a maioria das pessoas reconhece que funciona bem. Mas isto quando a equipa do FC Porto defronta equipas teòricamente mais fracas. Julgo portanto que a equipa devia ter (um plano "B") uma táctica alternativa 4x4x2 para quando se vir na necessidade de defrontar as equipas consideradas mais fortes e por tal motivo tenha de assegurar maior eficácia defensiva, ou seja, jogar de forma mais calculista. Ou até nos jogos em casa dos adversários.

PS 2 - Táctica rasteira do Inter
Inter fecha plantel e Quaresma fica de fora.
Será?! Veremos...

PS 3 - Bitaites unilaterais
Era para não falar mais no assunto,porem e dado que apareceu por aqui um tal "doutor Dario"(este tb sabe tudo mas só dum lado!) a tecer considerações sobre o assunto,digo o seguinte: (factores escamoteados)
a) A composição do CJ da FPF constituida por 7 elementos,sendo que dado que um deles Carrajola de Abreu já desempenhava outro cargo na FPF, o qual colidia com os assuntos a tratar no CJ e, devido a isso, não podendo acumular, estava automáticamente impedido de participar na votação.
b) Atendendo ao acima exposto o presidente do "CJ" Gonçalves Pereira no pleno "USO DAS SUAS COMPETÊNCIAS" (segundo o regulamento interno do CJ), resolveu excluir o conselheiro Carrajola de Abreu da votação, facto este que o dito Carrajola não aceitou tumultuando a reunião (insultos e ameaças de agressão), com a ajuda de Álvaro Batista. Esta a justificação do presidente para o encerramento da reunião.
E não aceito que uma amostra de pseudo-sumidade me venha agora dizer o contrário. Mais! Atitudes como a que tiveram o bando dos 4+1 só seriam válidas no tempo do fascismo e não agora no Portugal Democrático. Quanto à autoridade/credibilidade de Freitas do Amaral, caro sr.Dário, ele sabe muito, mas eu tb não nasci ontem...
Se quiser posso citar "n" opiniões contrárias à do F.do A. d'outras sumidades, prof.catedráticos sobre a validade da continuação da reunião do "bando dos quatro+um". A partir daqui tudo quanto se diga é pura especulação. Mais afirmo! O parecer do tendencioso F.do A. foi considerado por mim e por muito mais gente especializada em direito administrativo, como um parecer essencialmente político (F.doA.=cortiça,sempre à tona) e não um parecer moderado dum professor catedrático. Quanto ao "parecer estar bem fundamentado", isso é palha para enganar os desprevenidos, ou ignorantes dos factos ocorridos. Mais haveria para dizer, porem ficamos por aqui, porque não quero correr o risco de me tornar fastidioso...
Relativamente à composição do CJ, saber de quem é quem...com o Carrajola seriam 4 duma côr contra 3 d'outra...porem a origem desta trapalhada não vem daqui! O processo inquinado começou logo com a acção tendenciosa/preconceituosa do presidente da CD da Liga "Ricardo Costa". Este com a sua acção faciosa precipitou os acontecimentos.

2 comentários:

  1. Meu caro Monteiro agora que isto acabou vamos falar de jogadores, de técnicos, de reforços, de tácticas.Que dizes?
    Um abraço

    ResponderEliminar
  2. Pois, a teimosia aliada ao desespero tolda-lhes o raciocínio. Foi um hara-kiri vimaranense.

    Qt ao resto, cá os encontraremos, dentro do relvado, o sitio ideal para se ajustarem as contas!

    ResponderEliminar

Abrimos portas à frontalidade, mas restringimos sem demagogia, o insulto e a provocação.