terça-feira, 12 de agosto de 2014

Problemas no rival e notícia no...

12/08/2014 - Um exemplo dos tempos d'hoje
(Ao que parece, Rojo predispõe-se a forçar a saída)


Segundo consta, Marcos Rojo quer deixar o Sporting e pretende levar avante a intenção de concretizar a sua transferência para um clube dos principais campeonatos europeus. Pelos vistos o jogador, de acordo com os responsáveis do grupo de investimento Doyen, que detém 75% dos direitos económicos do internacional argentino, está disposto a levar até às últimas consequências o desejo de atingir de imediato um novo patamar na sua carreira.

Cobiçado por emblemas de Inglaterra e Itália, (Manchester United oferece 20 milhões por Rojo, os ingleses já fizeram chegar a Alvalade uma proposta formal para garantir o defesa argentino) 
Rojo não quer continuar em Alvalade, onde é primeira opção para o eixo da defesa...

Notícia no Rascord sujeita a confirmação...

O Presidente Pinto da Costa e Fernando Gomes gerem as contas.

A SAD portista contraiu diversos empréstimos junto do Banco Espírito Santo e um deles, de 30 milhões de euros, exigiu como garantia, em outubro de 2013, os passes de Mangala e Jackson Martínez. Em sede de relatório e contas foi revelada a vigência de uma cláusula penalizadora: “Caso a empresa aliene, ceda ou transfira a propriedade dos direitos económicos dos passes dos jogadores Mangala e Jackson Martínez que detinha à data de abertura do financiamento antes do término da maturidade do mesmo, está obrigada a liquidá-lo imediata e antecipadamente”, pode ler-se. O vencimento do crédito dá-se em Outubro, repartido em duas prestações: 23 milhões de euros em Julho e outros 7 milhões passados dois meses.

Especulação do rascord
  

Mesmo sem comunicação oficial, tudo aponta (postos a adivinhar) para que a SAD tenha renegociado as condições do empréstimo antes do pagamento da primeira prestação. Acabando, assim, por se antecipar igualmente à intervenção do Estado no BES.
(Será ? A proveniência desta notícia levanta sérias dúvidas...!)

dragãoatento: agradece-se a portistas que tenham informações credíveis sobre este assunto que comentem...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Abrimos portas à frontalidade, mas restringimos sem demagogia, o insulto e a provocação.