sábado, 19 de julho de 2014

Pré-época - Genk 1 FC Porto 3









Equipa do FC Porto já é oficial. Opare falha este ensaio pela lesão no joelho direito.

FC Porto: com Fabiano, Danilo, Maicon, Reyes e Alex Sandro, Carlos Eduardo, Josué e Óliver; Quaresma, Tello e Adrián.

Confirma-se a titularidade de Tello, que marcou na estreia. Josué também agarra oportunidade no meio-campo.
Carlos Eduardo continuará a ser testado numa missão mais defensiva, enquanto não chega Casemiro à equipa.

Genk joga com Bizot, Mbodji, Hamalainen, Hyland, Gorius, Buffel, Cissé, Kabasele, Masika, Schrijvers e Vossen.

FC Porto joga com equipamento alternativo, cor de rosa.
Quaresma é o capitão. Começou o jogo.
Nos primeiros momentos, é Josué quem está num papel mais defensivo e não Carlos Eduardo, como era esperado, embora o brasileiro também pise terrenos recuados.

Cruzamento de Quaresma obriga Bizot a mergulhar. Quaresma começou à direita, Tello à esquerda.

8’ GOLO! Quaresma. Depois de um primeiro remate de Carlos Eduardo, após roubar a bola a Mbodji, que Bizot não conseguiu agarrar, surgiu Quaresma, na pequena área, a empurrar para o golo. Fácil.

11’ GOLO! - Vossen marca. Erro tremendo de Reyes. Mexicano tenta passar a bola a Maicon e entrega ao adversário, que só tem de correr com ela controlada e bater o desamparado Fabiano.

15’ - No meio dos centrais portistas, avançado do Genk não contava com tantas facilidades e cabeceia ao lado, após cruzamento da direita.

16’ - Remate de Carlos Eduardo. Forte mas por cima.

20’ - Ataque do FC Porto, conduzido por Quaresma, que tenta assistir Danilo. Defesa do Genk corta.

23’ - Adrián não consegue chegar a um lançamento longo de Quaresma.

24’ - Canto do Genk e cabeceamento perigoso de Cissé, no coração da área. Por cima.

25’ - Paragem no jogo para os jogadores se hidratarem. Lopetegui aproveitou para passar instruções.

32’ - Cruzamento de Danilo para o coração da área, onde Adrián surge a cabecear. Por cima.

42’ - Contra-ataque do FC Porto, com Quaresma a fugir pela esquerda, a fintar um adversário e a assistir o remate de Óliver, que bate num adversário e sai pela linha de fundo. Canto sem consequências.

46’ - Rúben Neves, Herrera e Ricardo Pereira entram; Quaresma, Josué e Carlos Eduardo saem.

47’ - Bom corte de Reyes a antecipar-se a Vossen, na área.

55’ - Grande oportunidade para o Genk. Reyes voltou a facilitar na defesa, permitiu um cruzamento da direita e o remate de Schrijvers a assustar Fabiano.

57’ - Saem Adrián e Tello; entram Kelvin e Sami

59’ - Excelente Sami, a roubar a bola a um defesa e a avançar para o remate. Bizot evita o golo.

60’ - Sami é o ponta de lança. Bom trabalho de Kelvin, a tirar um adversário do caminho, e a rematar, ao lado.

62’ - A vez de Ricardo rematar. Também ao lado, mas a ganhar canto, porque a bola desvia-se num defesa.

62’ - GOLO! Sami. Canto bem marcado por Rúben Neves para um desvio de cabeça de Sami.

64’ - Sai Óliver entra Evandro; sai Reyes e entra Lichnovsky. No Genk sai Vossen e entra Tchimanga

68’ - Bizot rouba golo a Kelvin. Herrera recupera bem a bola à entrada da área, avança e cruza e a bola desvia num defesa belga; sobra para Sami, que toca para Kelvin rematar. Bizot desvia.

70’ - Excelente defesa de Bizot, após magnífico remate de Rúben Neves, de fora da área

75’ - Sai Masika e entra Castagne

78’ - GOLO! Sami. Jogada de Ricardo pela esquerda, a tocar para Sami, que tirou um adversário do caminho e estourou, de pé direito, para o golo.

83’ - Sai Schrijvers e entra Milinkovic. Erro de Lichnovsky a permitir remate perigoso do Genk

Fim do jogo. FC Porto vence mais um jogo da pré-temporada e encerra estágio.

PS - O FC Porto regressa a Portugal ainda hoje, depois do jogo, dando por encerrado o estágio que efetuou na Holanda

O FC Porto apresenta-se no Dragão no próximo domingo, dia 27, com o Saint-Étiènne

O jogo é no estádio do Genk, na Bélgica. Cerca de três mil nas bancadas, ainda despidas, mas ouvem-se muitos portugueses.

Em agosto, o FC Porto vai estagiar em Inglaterra e tem mais dois jogos agendados para essa altura, um com o Everton e outro com o West Bromwich 
GENK
1-3
FC PORTO

Sem comentários:

Enviar um comentário

Abrimos portas à frontalidade, mas restringimos sem demagogia, o insulto e a provocação.